11 terça-feira , agosto , 2020
Novidades
Campanha Novembro Azul ─ Prevenção do câncer de próstata

Campanha Novembro Azul ─ Prevenção do câncer de próstata

Quanto mais precocemente o câncer de próstata for identificado maiores são as chances de cura. Portanto, a visita ao seu médico para realizar o toque retal e o PSA é muito importante.

A Campanha Novembro Azul está intensificando neste mês ações que visam alertar e conscientizar a população masculina sobre o quanto é importante vencer preconceitos e fazer o teste que diagnostica o câncer de próstata. A doença tem uma evolução silenciosa; sintomas geralmente só aparecem em estágio bem adiantado.

Nas estatísticas divulgadas, o câncer de próstata é o segundo mais comum entre os homens ─ o primeiro é o de pele. E é o sexto mais comum no mundo, de acordo com o INCA (Instituto Nacional do Câncer). A chance de cura é de cerca de 80% no estágio inicial.

No mundo todo, várias entidades têm aderido a essa campanha anual que, na verdade, começou em 17 de novembro de 2003, na Austrália.

Este ano a Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) em parceria com diversas instituições já estão programando palestras realizadas por especialistas em todo o país, tentando esclarecer não somente os homens, mas também as mulheres, por entender que “são elas as grandes agentes de saúde, que conversam com os maridos e filhos e os levam para o médico”.

Historicamente o trabalho de conscientização dos homens é mais difícil, sobretudo devido ao preconceito quanto ao exame toque retal. Além disso, as mulheres costumam procurar um médico com mais frequência a qualquer sinal de doença.

Por isso, registramos aqui o alerta para os homens encararem o exame como uma condição indispensável para ter mais saúde e qualidade de vida. Ao mesmo tempo, registramos o apelo para que as mulheres convençam seus homens: marido, pai, irmãos, amigos, da importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata.