13 domingo , outubro , 2019
Novidades
SATEDs criam fórum para debater políticas públicas

SATEDs criam fórum para debater políticas públicas

Paraná- Reunidos na manhã desta sexta-feira (24), no Encontro Nacional dos Sindicatos dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Brasil (SATEDs), dirigentes sindicais do Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco e Ceará —com poder de decisão pelas demais entidades do País —criaram o Fórum Nacional das Entidades de Trabalhadores Artistas e Técnicos.

Para Eliane Berger, presidente do Sated – PR, o fórum surgiu como ferramenta de fortalecimento e união da categoria. “Nosso encontro rendeu de uma forma muito benéfica. Fizemos alguns contatos políticos importantes. E, principalmente, tiramos um documento através do Fórum, que criamos para lutarmos mais juntos. Esse momento não é de egos ou divisões, e sim de união. E vamos levar isso para a frente”, enfatizou.

A Carta de Curitiba, primeira ação do fórum, menciona a importância da data de hoje—comemoração dos 41 anos da Lei Nº 6.533, que dispõe sobre a regulamentação das profissões de artista e de técnico em espetáculos de diversões—e chama a atenção sobre o eminente perigo de desmantelamento provocado por desinformação da sociedade e produção de factoides que atingem a categoria.

“A data de hoje é muito importante por comemorarmos a regularização da categoria. O nosso encontro é uma demonstração de luta, de grande resistência, para que a população possa reconhecer que o artista é um profissional e não um diletante. E essa discussão muito ampla que está acontecendo no Brasil em relação à manifestação dos artistas merece atenção. No debate levantamos questões sobre a nossa legislação e levaremos isso a Brasília”, afirmou Oscar Ronei, presidente do Sated-CE.

Parlamentares no encontro

O senador Flávio Arns (Rede-PR) e o deputado federal Luciano Ducci (PSB-PR) receberam a carta dos dirigentes sindicais, e mostraram-se receptivo às reivindicações da categoria.

Na avaliação do presidente do Sated-RS, Fábio Cunha, o encontro com os parlamentares foi muito produtivo. “Eles deram ideias, debateram os temas. E a partir disso, das estratégias que traçamos para resolver questões que atingem a todos (como a questão dos 10% dos estrangeiros), vamos buscar audiências na Câmara e no Senado, nas comissões de Cultura, Direitos Humanos e Assistência Social. De fato, um dos melhores encontros que já participei. Parabéns a todos os envolvidos”, concluiu.

Com informações do Sated-PR/RS