22 sexta-feira , novembro , 2019
Novidades
O culpado é o VAR

O culpado é o VAR

Adorava a segunda-feira, quando debatíamos os resultados das partidas do final de semana, numa “conversa fiada” que estava por todos os cantos, onde sabíamos que na semana seguinte poderíamos dar o troco.

Conversa de “buteco” era tão importante que, mesmo quando se chegava às “vias de fato”, o “troco” era na mesma medida, e tudo acabava em samba, ou uma boa rodada de chopp. Afinal os campeonatos são cíclicos como cíclica é a vida e a natureza.

Hoje, já não se respeita a vida, o que se dirá da natureza. Tudo é registrado por câmeras, por imagens, fotografias e filmes que demonstram a preocupação da Alemanha de mostrar as suas florestas, outrora arrasadas pelo delírio do homem e hoje reflorestada por homens de bem.

Se a Ciência é contestada, deveria chamar o VAR, mas, mais fácil do que comprovar os contra-argumentos técnicos, foi dispensar o presidente do INPE, com a canetada de plantão, afinal contrariava os interesses do “Chefe do Pessoal” que mora no Planalto.

Sob críticas internacionais, sempre sem provar o que fala, visto que tem o poder de alterar a qualquer momento a verdade dos fatos, o VAR do exterior indicou que foi gol contra.

Como na conversa de “buteco”, o VAR é o culpado.

Oswaldo Augusto de Barros – CNTEEC – FEPAAE – FST